Artigos 
e Frases

Relato autorizado de uma paciente em consultório - um alerta importante para que possamos dar crédito aos avisos interiores que temos quando algo não vai bem

"Toda manhã, quando acordava, pensava que tudo poderia melhorar se eu corrigisse algo de errado em mim, em minhas condutas e em meus comportamentos. Mesmo que não tivesse claro o que estava errado, achava que talvez sendo mais boazinha, quem sabe ele poderia melhorar de humor, não ficar tão bravo e nem tão ofendido de uma hora para outra, mas nada do que eu fazia dava certo e as histórias sempre se repetiam.

Embora no começo eu tivesse certeza que estava correta e que não havia feito nada de errado, depois de tanto falatório dele, chegava a duvidar de mim mesma e das minhas convicções, esquecendo das minhas verdades e dos meus valores.

Tudo o que eu falava não fazia eco algum nele, me via totalmente desamparada, incompreendida e acusada injustamente. Ele ameaçava me deixar, encerrava a conversa dizendo que estava muito magoado e cansado de mim, que eu criava os maiores problemas da vida dele.

Me sentia culpada, com o raciocínio confuso, e acabava cedendo, pedindo desculpas pelo que eu nem sabia e com pavor de perdê-lo.

Minha vida só começou a mudar para melhor quando percebi que seria impossível ele mudar o comportamento tirano e abusivo que tinha comigo. Foi a partir daí que pude dar os primeiros passos para a separação. Parece que é só na hora que entramos num desespero maior e chegamos no fundo do poço que surge uma força nos mostrando que - SIM - tudo pode e deve ser diferente."

💎 Quanto mais despertos, melhor!
Silvia Malamud

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram